CLCM – Cognição, Linguagem e Comunicação Multimodal

 

Criado em 2015, o Grupo CLCM foi totalmente reorganizado e reorientado cientificamente em finais de 2017, passando a contar com investigadores colaboradores provenientes de diversas universidades portuguesas e brasileiras que estudam a Linguagem na sua dimensão cognitiva, funcional, social e cultural. A Linguagem é aqui entendida de um modo vasto, abrangendo tanto a linguagem verbal como a não-verbal (p. ex., gestual, pictórica e a comunicação multimodal).

Na abordagem apresentada, a Linguagem surge como uma capacidade cognitiva humana que se encontra em interação com as outras capacidades cognitivas, constituindo um meio de conhecimento em ligação com a experiência humana do mundo. Tendo como fundamento a base pragmática e experiencial da linguagem-em-uso, o enquadramento da Linguística Cognitiva constitui o núcleo teórico privilegiado do grupo, criando, simultaneamente, pontes com outros enfoques teóricos no sentido da Linguística Cultural, Pragmática Linguística, Linguística Funcional e Semiótica Cognitiva.

O foco específico do trabalho do Grupo é o estudo da Língua Portuguesa como uma língua pluricêntrica, observada e analisada em multiplicidade de registos, contextos sociais e culturais diferenciados, bem como níveis e tipos de variação linguística.
Dado o carácter luso-brasileiro do grupo de investigadores reunidos no CLCM, a investigação centra-se nas Variedades Dominantes (VD) do Português de carácter nacional – o Português Europeu (PE) e o Português do Brasil (PB) – , mas também visa as Variedades Não-Dominantes (VND) ainda em formação (como, por exemplo, o Português de Timor-Leste).

O grupo desenvolve investigação em diferentes áreas de análise linguística, tais como Semântica Cognitiva, Gramática de Construções ou Análise do Discurso e Texto, mas também na área da Aquisição e Desenvolvimento da Linguagem (Psicolinguística), sobretudo com foco na Aquisição/Aprendizagem do Português Língua Não-Materna (PLNM), Português Língua de Herança (PLH) e Bilinguismo.

Consultor externo: Augusto Soares da Silva (Professor Catedrático da Universidade Católica Portuguesa, Braga, Portugal).